Postado em 27/01/2021
2 erros de jejum a evitar e o que fazer em vez disso
2 erros de jejum a evitar e o que fazer em vez disso

Aqui estão 2 erros comuns: 

1. Comer de forma inadequada antes do jejum:

“A maneira número 1 de passar pelo jejum é em grande parte determinada pelo que você comeu antes de começar o jejum”. Você deve consumir gorduras saudáveis ​​para mantê-lo satisfeito durante todo o jejum (podendo até adicionar um pouco de óleo MCT ao seu café se estiver sentindo fome durante o dia). Muitos especialistas também recomendam proteínas e fibras.

2. Ignorar os sinais de estresse:

O jejum causa estresse no corpo. Em geral, isso é uma coisa boa – o estresse agudo leva o corpo à autofagia, que é o grande objetivo do jejum. Quando você começa a jejuar, seus níveis de estresse aumentam e sua adrenalina também, que se torna algo benéfico nesse estado. Quando você experimenta níveis crônicos de estresse (ou seja, exagerar no jejum), pode começar a ter efeitos menos favoráveis, principalmente as mulheres. Ou seja, esse cortisol elevado pode afetar potencialmente o sono, os hormônios e os níveis de energia

Isso não quer dizer que as mulheres não devam jejuar – muitas vêem resultados incríveis! -, mas é importante notar os sinais que seu corpo está tentando lhe dizer para que você saiba quando diminuir. “Pular o café da manhã, almoçar tarde, apenas três vezes por semana. Talvez seja tudo de que você precisa”, dizem os estudos. Seja gentil com seu corpo e suas necessidades. 

Resumo.

Existem muitas maneiras de realizar o jejum – o tipo de jejum vai depender de cada pessoa, e é preciso experimentar para descobrir o que funciona para você. Dito isso, existem alguns erros gerais que você pode cometer durante o jejum – mais sobre o processo em si do que sobre os horários específicos – que é importante evitar.